BUSCA DE MINISTÉRIOS
ÁREA DE MEMBROS

Quer ser membro da LIBER? Clique aqui

Facebook Twitter App da LIBER para Google Play
ARTIGOS
Família
Vida Feliz a Dois, Como Isso é Possível
Pr. Eli Fernandes
17.05.2013

Tenho oficiado muitos casamentos, ano após ano. Em todos os casos, são a realização de sonhos que se iniciam a partir da cerimônia das núpcias, no altar, diante de parentes e amigos mais chegados, até a palavra final do oficiante: “o que Deus uniu não separe o homem”, “sejam felizes por toda a vida”. Porém, a vida a dois não é feita de passes de mágica. Ela exige dos cônjuges muitos cuidados que passam pela administração das finanças: “o amor ao dinheiro é a raiz de todos os males”; às expectativas e motivações, às vezes erradas de ambas as partes, de uma felicidade que cairia do céu ou que emanaria de um dos cônjuges.



A vida saudável a dois não espera que as coisas aconteçam pela iniciativa de apenas um deles. Amar é dar. Ponto. Fomos criados por Deus para viver e dar de nós mesmos, na vivência dessa célula primeira social, a família. Na relação a dois, nós elogiamos, explicitamos o reconhecimento do valor do outro. Na relação a dois, nós somos “só ouvido”, à disposição, atentos às ideias, sonhos, planos, percepção do outro e, se tivermos de emitir posicionamentos pessoais, que o façamos, conquanto que só após ouvir o outro, exaustivamente. Na relação a dois, declaramos o quanto amamos, colocando sempre o cônjuge no pedestal do coração. Pedimos-lhe perdão como ato da vontade, como evidência de quanto o respeitamos, nunca fazendo de conta que está tudo bem, quando, com palavras e ações, deixamos o outro ferido ou decepcionado. Na relação a dois, somos um, andando juntos, decidindo juntos, sorrindo e chorando juntos, grudados, colados inseparavelmente um ao outro.



O casamento é isso, uma relação santa, a dois, em que o cônjuge é um presente de Deus, uma porcelana fina a ser cuidada por quem ama, em cuja atmosfera feliz acalentamos, juntos, os sonhos, sem os quais a vida carece de sentido.



Se seu casamento não se encaixa nesses arrazoados, corre perigo. A solução está em você. Não espere que as mudanças comecem em seu cônjuge. A decisão, por primeiro, é sua, de voltar a reconhecer a joia que Deus lhe deu; a ouvir e declarar seu amor a quem Deus lhe deu; a aceitar que errou e a pedir perdão, e de voltar a viver de mãos dadas, como era antes, “nós dois”, superando as vontades pessoais.



Acredite: você precisa de urgentes mudanças. Acompanhe, de coração aberto, as pregações de hoje, do Pr Eduardo, a quem damos nossas boas-vindas. Ouça-o, atentamente, e creia que assim poderá ser seu matrimônio, a partir de você mesmo, e cumprir-se-á o Salmo 128.3, quando diz: “Tua esposa, no interior de tua casa, será como a videira frutífera; teus filhos, como rebentos da oliveira, à roda da tua mesa”.

CULTOS: Domingo às 10h45 e 18h, Segunda às 19h30 e Quarta e às 19h. Consulte a Programação Completa
Endereço: Rua Santo Amaro, 412 - Bela Vista - São Paulo - SP
Telefone: (11) 3293-2400

© 2013-2019 Igreja Batista da Liberdade. Todos os direitos reservados.
L2 Midia