BUSCA DE MINISTÉRIOS
ÁREA DE MEMBROS

Quer ser membro da LIBER? Clique aqui

Facebook Twitter App da LIBER para Google Play
ARTIGOS
Natal
Natal - Um pregador, seus ouvintes e o evangelho
Pr. Eli Fernandes
09.12.2011

Nos campos de Belém, Rute começou seu trabalho de colher espigas, nas terras de Boaz. Quantas vezes, naqueles campos, Davi cuidou dos rebanhos de seu pai Jessé. Mas ali aconteceu algo que ninguém jamais esquecerá. Certa noite, estavam pastores vigiando suas ovelhas, quando olharam para o céu e viram um resplendor que os cercava com a glória de Deus. Lendo Lucas 2.8-14, o que observaremos nesse quadro?



Observamos um pregador: “Um anjo do Senhor”, o primeiro arauto da nova dispensação, apresentando, não o que a sabedoria humana chamaria de um sermão eloquente, mas uma mensagem de grande alegria para todo o povo (v.10). É como deveriam ser todos os sermões pastorais: claros, alimentadores e poderosos.



Observamos os ouvintes: “Havia naquela região pastores que estavam no campo”. Estavam atemorizados, ansiosos pelas boas novas que, de repente, ressoaram em seus surpreendidos ouvidos. Na vigília da noite, eles foram os primeiros banhados pela prometida glória de Deus, que viria abençoar o mundo adormecido.



Observamos Evangelho: “Trago novas...”. Boas Novas, boas notícias, procedentes de Deus. Evangelho concentrado: “Hoje vos nasceu o Salvador, que é Cristo, o Senhor”. O Senhor da Glória deixou os céus, despojou-se de sua inefável majestade, nascendo numa manjedoura. Houve um sinal para os pastores: “um menino envolto em faixas”. “Novas de grande alegria”, por isso ninguém precisa temer o poder do pecado, a quantidade dele, os inimigos que nos perseguem, porque nos é nascido o Salvador.



Observamos uma mensagem universal: “Que será para todo o povo”. Quando Jesus estava envolvido em panos, ou quando estava de pé diante de Pilatos, era para os homens alguém insignificante, em comparação com o Imperador de Roma, com Herodes ou com Pilatos. Estes morreram. Onde estão agora? O mundo, pelo qual Jesus nasceu, morreu e ressuscitou, tem sido abençoado através de Seu amor e poder.



Observamos, por fim, uma confirmação: “De repente, apareceu uma multidão da milícia celestial louvando a Deus e dizendo: ‘Glória a Deus nas alturas, e paz na terra”. Eis a assinatura de Deus ao que estava acontecendo! Os que creem no Evangelho de Jesus sabem muito bem que a Palavra sempre virá confirmada por sinais que a acompanharão. Paulo, em I Co 1.22 e Rm 8.16, diz-nos que o Espírito dá testemunho com nosso Espírito, de que somos filhos de Deus.



Glórias a Deus! O poder dessa mensagem celestial atravessou séculos e continentes, e chegou a nós!

CULTOS: Domingo às 10h45 e 18h, Segunda às 19h30 e Quarta e às 19h. Consulte a Programação Completa
Endereço: Rua Santo Amaro, 412 - Bela Vista - São Paulo - SP
Telefone: (11) 3293-2400

© 2013-2019 Igreja Batista da Liberdade. Todos os direitos reservados.
L2 Midia