BUSCA DE MINISTÉRIOS
ÁREA DE MEMBROS

Quer ser membro da LIBER? Clique aqui

Facebook Twitter App da LIBER para Google Play
ARTIGOS
Missões
Por Cristo Vou Até os Confins da Terra
Pr. Eli Fernandes
11.06.2010

Faço tudo isso por causa do Evangelho, para também ser participante dele” (I Co 9.23).



Tive a oportunidade de visitar Corinto duas vezes. Cidade antiga, já habitada por dois milênios antes do nascimento de Jesus. A Corinto referida no Novo Testamento foi totalmente destruída em 1858, por forte terremoto. Quando empreendeu sua segunda viagem missionária, entre os anos 50 e 52 d.C., conforme registros que se encontram em Atos 18.1-18, o apóstolo Paulo fundou a Igreja de Corinto. Naquela oportunidade, uma minoria de aristocratas corruptos dominava um imenso número de escravos. Podemos, pois, entender melhor o ambiente e o nível de problemas que Paulo teve de enfrentar para realizar a obra missionária, estabelecer a Igreja e vê-la crescer difundindo e adensando os valores de Cristo.

A visão expansionista de Paulo demandou da autêntica conversão a Jesus e de um extremo compromisso cristão para com o resgate integral do homem, interpretada a partir do anúncio às pessoas do caminho da salvação. Missionário fundador de igrejas e cuidador delas, não as deixou ao léu após fundá-las e partir. Enquanto empreendia suas viagens missionárias, tantas vezes perseguido, preso, continuava escrevendo suas epístolas, doutrinando, orientando, apoiando os novos convertidos. Para a Igreja de Corinto, escreveu algumas cartas, duas das quais preservadas no Cânon do Novo Testamento, remetidas no mesmo ano, 56 a.D., a primeira, de Éfeso, e a segunda, quando estava na Macedônia. Missões não prescinde do acompanhamento, do discipulado, do “pós-conversão”.

Observa-se, em tudo isso, um grande, sério e santo compromisso de Paulo com a propagação da palavra da cruz, ao ponto de ofertar toda sua vida para o serviço da incumbência expansionista de levar o Evangelho “até os confins da terra” conhecida de então.

Aqui estamos nós, hoje, dois mil anos depois, usufruindo da bênção da salvação outorgada aos gentios por nosso Deus, graças à obediência, denodo e coragem de Paulo, que atendeu ao mandado, o “Ide... e pregai o evangelho”. É sobre nós, agora, que pesa esta grande responsabilidade! Somos os continuadores daquela obra maravilhosa de evangelismo e missões iniciada por Jesus e da qual Paulo se tornou o grande missionário para os gentios. Nosso Mestre espera que cumpramos nosso dever! Não podemos deixar de atender a ordem d’Aquele que deu sua vida em resgate daqueles que n’Ele creem, cuja fé salvadora é apregoada em nossa mensagem, pois, “Como crerão naquele de quem não ouviram falar? E como ouvirão, se não há quem pregue? E como pregarão, se não forem enviados?” (Rm 10.14-15). Vamos, pois, obedecer, Igreja Batista da Liberdade, indo, orando, contribuindo!

A salvação do mundo também está nas mãos do povo da Liberdade!

CULTOS: Domingo às 10h45 e 18h, Segunda às 19h30 e Quarta e às 19h. Consulte a Programação Completa
Endereço: Rua Santo Amaro, 412 - Bela Vista - São Paulo - SP
Telefone: (11) 3293-2400

© 2013-2019 Igreja Batista da Liberdade. Todos os direitos reservados.
L2 Midia